Põe o Amor no lixo…

22:23

Há dias vi questionarem, para onde ia o Amor depois do fim. Ponderei por momentos e analisei a questão ao pormenor. É verdade que o amor que dizíamos tão forte acaba por desvanecer, dissipar, enfraquecer, mas então não seremos nós um pouco hipócritas ao acreditar que o mesmo seria para sempre e que teríamos certezas de que este é que era o grande Amor. Mas depois percebi que na vida temos vários Amores... Mas onde os pomos?! Vamos pondo no lixo.

Põe o Amor no lixo, junto com todas as pequenas (grandes) memórias. Fotografias, cartas, papelinhos, surpresas, desenhos, prendas, panfletos, bilhetes de viagens, de cinema, do oceanário, do zoo, de tudo… Até os papéis dos reboçados e pastilhas que partilharam… Põe tudo no lixo e junta o Amor.

Por favor, não os deixes naquela caixa fechada no fundo do armário, porque um dia vais encontrá-la e vai ser inevitável viveres tudo de novo. Vais lembrar-te até do cheiro real das coisas, mesmo que agora cheirem a mofo, a velho, a ultrapassado… Outrora tiveram aquele cheiro a carinho, doçura e entrega. Tiveram aquele sabor especial que só vocês entendiam. E só vocês sabiam, porque guardaram tanta coisa que nem fazia sentido guardar. Agora têm tanto para colocar no lixo…

Guardaram tudo o que vos pertencia, mas acima de tudo guardaram o Amor, aquele que agora deves colocar no lixo. E quando o colocares no lixo, entende que é para sempre. Não vai voltar. Vai desaparecer, simplesmente. Não vai restar mais nada, nem os papéis, nem os panfletos, nem os sorrisos, nem as lágrimas, nem as memórias, porque quando os colocares no lixo, simplesmente foram… Novas memórias se vão sobrepor.

Pouca importa se te custa, ou mesmo se fazes uma verdadeira despedida ou até mesmo luto. Ganha força e coloca tudo no lixo! Toma cuidado para que nada te escape, certifica-te de que a limpeza é total! E sim, vão dizer que exageras. E que é estranha a forma drástica como ages. Mas de que sabem eles? Nem eles sabem onde se encontra o Amor deles.

E se te criticarem por o teu Amor estar no lixo, pensa que talvez o transfiras para alguém que saiba lidar melhor com ele. Alguém mais forte, mais dotado ou até menos magoado.
Deves coloca-lo no lixo, porque nunca remexerias o lixo. É como se soubesses que não encontrarás nada nele que venha igual forma, que cheire da mesma forma ou que venha com a mesma forma. É como se enterrasses algo no outro lado do mundo sabendo que nunca mais saberás o sitio exacto onde o deixas-te.

É aqui que fica o Amor de que me falaram, no lixo. Porque, afinal, ele tem de ir para algum lado. E não te enganes ao achar que esse Amor poderia ser substituído, porque não pode. O Amor não é reciclável. Era teu, deixou de ser. O que fazes com ele é contigo, mas por mim deves colocá-lo no lixo…. Só assim descobrirás e aceitarás um novo. 

Amor este, que cheirará a novo. A confusão, a receio, a intriga, a surpresa... Cheirará aos jogos do gato e rato e às noites sem sono… E se este chegar ao fim, já sabes para onde irá... 


TAG 

You Might Also Like

14 comentários

  1. gostei muito do que escreveste, gostei muito do que li!

    ResponderEliminar
  2. Sim, vou dia 25. Eu perguntei-te por como tenho um bilhete a mais, dava-to :)

    Adorei o texto. Dizes tanto em tão pouco :)

    InstagramFacebook Oficial PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
  3. "Por favor, não os deixes naquela caixa fechada no fundo do armário, porque um dia vais encontrá-la e vai ser inevitável viveres tudo de novo. Vais lembrar-te até do cheiro real das coisas, mesmo que agora cheirem a mofo, a velho, a ultrapassado" Concordo totalmente contigo quando dizes isto.. se uma pessoa está em fase de seguir em frente, isto é o pior que pode acontecer... isto e as redes sociais, tem mesmo de ir tudo para o lixo!! Tenho pena que seja assim mas de facto para onde vai o amor que depositámos tanto tempo em alguém ? é triste :(

    ResponderEliminar
  4. Belo texto! Mas nunca meto o amor no lixo, mesmo um amor passado não deixou de ser amor e recordar nem sempre é sofrer quando esse amor durou o tempo que teve de durar :)

    http://strawberryleopard.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  5. Adorei Nicole! E concordo muito, devia ser um movimento!
    THE PINK ELEPHANT SHOE | FACEBOOK | YOUTUBE CHANNEL

    ResponderEliminar
  6. You have a nice blog dear, I really like it:) I'm following you now!
    Have a great day,
    xoxo
    http://stylishpatterns.blogspot.com.es

    ResponderEliminar
  7. O texto está perfeito :)

    http://iminthemoodforblog.blogspot.pt
    GIVEAWAY a decorrer no blog!

    ResponderEliminar
  8. Texto lindo, quando o amor acaba não podemos persistir mesmo, lugar dele é no lixo.

    Beijos

    Blog da Joanna

    ResponderEliminar
  9. Mas as X é mesmo difizil meter no lixo, mas é preciso.
    Eu ainda fico com alguma lembrança en nao meteria no lixo nem parva.
    Parece que é o melhor, mas há momentos que nao quero esquecer ainda que sejam boms o maus


    beijinhos

    ResponderEliminar
  10. Sério :') Se realmente quiseres ir, falar-me no facebook ou assim que terei o MAIOR gosto em dar-te um vip car :D

    InstagramFacebook Oficial PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
  11. "E se te criticarem por o teu Amor estar no lixo, pensa que talvez o transfiras para alguém que saiba lidar melhor com ele. Alguém mais forte, mais dotado ou até menos magoado." adoro sempre estes teus textos, parabéns! :D

    ResponderEliminar
  12. Hi dear
    Great post, nice text
    Thanks for sharing
    xoxo

    ResponderEliminar
  13. Está fantástico este texto!

    Eliana,
    http://around-eliana.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  14. Impossível não me identificar com este texto. Impossível evitar aquela lágrima que estava orgulhosa em sair. Falas como se me conhecesses, como se conhecesses outras tantas, falas como aquela amiga que nos faltou naquele momento, falas como o próprio, cujo nome nunca devemos pronunciar, nos devia dizer, frontal e honestamente. Obrigada por dares um bocadinho de ti, a todas nós, que precisamos mais ou menos de sentir o que escreves :)

    ResponderEliminar